Terrenos baldios sujos são ideais para a proliferação de animais peçonhentos

No verão, com as altas temperaturas na natureza tudo cresce rapidamente. Nas áreas urbanas com um pouco de descuido o “mato” toma conta do quinta de casa e  de terrenos baldios. Se ainda tiverem entulhos se tornam o local ideal para a procriação de animais peçonhentos como aranhas, escorpiões, cobras e inclusive o mosquito da dengue. Estes animais passam a maior parte do tempo escondidos, podem causar acidentes e sérios problemas de saúde, gerando grandes transtornos.

A saúde municipal têm registrado frequentes acidentes com animais peçonhentos, felizmente sem complicações. O alerta da vigilância epidemiológica é para que a população mantenha os lotes sempre limpos. Cuidados simples e rotineiros podem evitar grandes problemas.

Caso ocorra um acidente com algum animal, a orientação é que a pessoa seja imediatamente levada à uma unidade de saúde para o primeiro atendimento. Se possível com o animal capturado em um vidro para a identificação.

Vêm sendo constatado que animais mortos estão sendo deixados em lixeiras pela cidade. A empresa responsável pela coleta de resíduos não faz o recolhimento destes animais. Quando a pessoa encontrar algum animal morto, deve tomar as medidas cabíveis, sem depositar o mesmo nos cestos de lixo.

Ficou alguma dúvida? Entre em contato com os profissionais habilitados pelo 42. 3554 1294

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *