Euclides Pasa assina termo de adesão ao programa internet para todos

As 15 horas de ontem (12) em Brasília o município de Cruz Machado assinou o Termo de Adesão ao Programa Internet Para Todos do Governo Federal.  Esteveram representando o município o prefeito municipal Euclides Pasa (Bibi) e o Assessor Geral da Administração Johnny Otto. Dois Mil Municípios da Federação foram contemplados.
A assinatura do Termo de Adesão ao Programa Internet Para Todos do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC) é muito importante para o Município de Cruz Machado.

Através do programa, mais pessoas terão acesso à internet e poderão acessar a transparência das contas públicas, aos serviços ofertados ao cidadão através do site da prefeitura e muito mais.

Johnny Otto – Assessor Geral da Administração e o Prefeito Municipal Euclides Pasa

Profissionais da educação poderão realizar o envio de prestações de contas da educação (Siope) assim como da saúde (Siops) e do balanço geral (Finbra). Segundo  Johnny Otto o acesso à internet de qualidade não é apenas uma necessidade das gestões municipais, mas também de toda a população que a utiliza como fonte de informação, pesquisa, educação, lazer, bem como acessar através da mesma uma série de serviços disponibilizados pelo poder público e pela iniciativa privada.

O Município indicou os lugares passíveis de atendimento e a área de colocação dos equipamentos. A segurança do local onde ficará o equipamentos bem como o zelo dos equipamentos e a energia utilizada será de responsabilidade da prefeitura e dos próprios usuários. O município de Cruz Machado cadastrou 29 localidades, e se todas comunidades forem contempladas mais de 80% do município será coberto com o sinal de Internet banda larga do Programa Internet para todos.

Euclides Pasa – Prefeito Municipal

 

No mesmo dia, Cruz Machado recebeu do governo federal um auxílio financeiro de mais de 368 mil reais. O valor é para superação de dificuldades financeiras emergenciais. 50% será usado para saúde, 30% para educação e 20% para assistência social.O valor recebido foi calculado segundo os mesmos critérios do Fundo de Participação dos Municípios (FPM).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *