Exposição Polski Teatr – Teatro Polonês está em Cruz Machado

Está em Cruz Machado a exposição Polski Teatr – Teatro Polonês. Com reprodução de fotos e documentos esta exposição é uma excelente oportunidade para conhecer um pouco mais sobre o teatro polonês no mundo, com um recorte especial para a contribuição do povo polonês, através de seus imigrantes, para o teatro brasileiro e seus desdobramentos no Paraná.

A exposição, que já esteve no Museu de Santana no mês de maio para a Semana Nacional de Museus, onde foi trazida através da Associação Polono-Brasileira Padre Daniel Niemiec, ficará em exibição no segundo piso da Prefeitura Municipal até o dia 18 de julho de 2019 e pode ser visitada de segunda a sexta-feira, das 8h30 as 11h30 e 13:30 as 17h.

Sobre a Exposição

Atuando como comentarista da realidade polonesa, o teatro na Polônia tem desempenhado, ao longo de sua trajetória, um importante papel social e cultural. Com propostas ousadas e por vezes revolucionárias, característica peculiar às muitas linguagens artísticas de origem polonesa, o teatro polonês influenciou o panorama cênico mundial, seja do ponto de vista estético ou conceitual.

Com raízes no período medieval, então com forte caráter religioso, o teatro polonês começa a mudar já no Renascimento, período onde o mecenato surge trazendo novas possibilidades às artes cênicas. Do teatro secular em latim, com origem na Academia de Cracóvia, ao teatro falado em polonês, o Polski Teatr se transforma e utiliza os usos e costumes da sociedade polonesa como tema e com isso passa a ser bastante apreciado.

Num salto na cronologia do teatro, que poderá ser conhecida em detalhes na exposição, destaca-se que ao longo do século 20 o teatro polonês sofreu as consequências de eventos dramáticos como as duas grandes guerras e as diversas lutas pela liberdade e soberania do país, decorrentes da perda de autonomia política em períodos de dominação alemã ou soviética. As adversidades sofridas nos diferentes períodos históricos resultaram numa considerável variedade de manifestações teatrais de qualidade, muitas delas provenientes de movimentos clandestinos, os quais resultaram não raro no rompimento de convenções e estereótipos.

Nomes de destaque do teatro polonês são apresentados na exposição, com destaque para Tadeusz Morozowicz (1900-1982) e Zbigniew Ziembiński (1908-1978), que imigraram para o Brasil.

A exposição Polski Teatr / Teatro Polonês, com curadoria de Dulce Osinski e Everly Giller, é uma realização da Casa da Cultura Polônia Brasil e do Consulado Geral da Polônia em Curitiba juntamente com o Programa de Pós-graduação em Teatro (PPGT/UDESC) e Programa de Extensão Imagens Cênicas (DAC/UDESC).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *